Um certo Sr. Garçon, residente em Minas Gerais, fez algumas observações equivocadas sobre os meus escritos dos últimos dias, enfocando a temática do Oriente Médio, tendo-as recebido através de um amigo mineiro. Tomo as observações como mote porque elas espelham a ignorância que grassa em meio à intelectuária ocidental, mormente aqui na terra de Santa Cruz. E a palavra intelectuária aqui

Read more…

Um dos comentários mais brilhantes e corretos que li sobre a guerra em curso no Afeganistão foi publicado pelo professor Mendo Castro Enriques no jornalEuronotícias e que também está disponível no site do professor Ricardo Bergamini (www.rberga.hpg.ig.com.br). É uma aguda percepção psicológica das contradições que residem na alma do Ocidente diante do Outro e diante da guerra. Dois pontos ele

Read more…

Um balanço dos atentados de 11 de setembro e da retaliação da aliança ocidental contra os terroristas mostra que Bin Laden e seu grupo perderam feio. A destruição da estrutura de poder do Taleban e da sua rede terrorista já está praticamente consumada. E, para piorar as coisas, os demais países que apoiavam o terrorismo islâmico não mais deverão se

Read more…

“Pensem nas crianças, mudas, telepáticas…” (Vinícius de Moraes).   Tive a oportunidade de rever a trilogia do filme The Godfather, de Coppola, que acabou de sair em DVD, aproveitando o último feriado do Dia de Finados. É sempre um prazer renovado e uma redescoberta ver essa fita, uma obra-prima. Quero aqui sublinhar uma cena das mais emocionantes, quando

Read more…

Para quem gosta de escrever artigos definir o título é um momento importante do processo. Eu às vezes faço-o e depois deixo fluir o texto. Quase nunca tenho que mudá-lo. Às vezes, faço o texto e depois defino o título. E, mais raro, faço o texto, defino um título provisório e fico me roendo, insatisfeito,

Read more…

Um dos comentários mais mendazes que li sobre Osama Bin Ladem está na Folha de São Paulo de hoje (11/10), escrito por Márcio Aith (“Cabul e Canudos evocam luta do bem contra o mal”). Esse autor tenta traçar um paralelo entreBin Ladem e o nosso Antônio Conselheiro, personagem central do nosso infausto Canudos.   E por que não procede o paralelo? Por que em Canudos

Read more…

O megaburocrata James D. Wolfensohn, presidente do Banco Mundial, publicou na Folha de São Paulo de hoje (09/10) artigo intitulado “Pobreza merece coalizão mundial”. Sempre que burocratas, grandes e pequenos, falam em pobreza, é preciso ter cuidado com a carteira. Quase sempre eles estão mesmo é preocupados com o seu poder e a sua influência. Pobreza é um mero instrumento

Read more…

O primeiro aniversário dos atentados de 11 de setembro me leva a pensar nosque morreram, nos milhares de inocentes que pereceram pelo fogo e pelo esmagamento, no mais infame ataque terrorista em muitas décadas. Foramvítimas da maldade humana, a mais nefanda. Qualquer razão cala diante desse holocausto. Qualquer palavra fora do lugar rompe a sacralidade da sua memória. Que

Read more…

Escrevo sob o impacto da emoção. Quão terrível é ver toneladas e mais toneladas de concreto desabarem, em chamas, sobre um sem número de homens e mulheres; quão estúpida é uma ação que, se não tem resultados políticos nulos, colhem resultados negativos; o mal está em todo lugar, até no interior das organizações mais poderosas, de

Read more…

Em 11 de setembro de 2001, pouco depois das 9:00 da manhã desci as escadas do escritório da livraria que administrava no Shopping Market Place, em São Paulo. Passei pelo aparelho de TV, ligado, e um funcionário me chamou a atenção para as imagens então exibidas, de um avião que acabara de se chocar (na verdade, penetrar) em uma

Read more…