Hoje está uma linda manhã de sol, um dia luminoso nesse tempo outonal paulistano. Esses profetas do apocalipse do aquecimento global não cansam de errar, pensou Quinhocom seus botões. Povo mentiroso, esses comunistas do clima, que fazem alarido apenas para ganhar verbas do governo e abolir a liberdade das pessoas. Pior, para apressar a instalação do

Read more…

Pode-se questionar a obra de Freud de muitas formas, a começar pela discutível obtenção de resultados terapêuticos da psicanálise aplicada, pelos métodos de pesquisa que não resistem a um exame poperiano, pelo reducionismo absurdo à questão da sexualidade enquanto gênese do “mal-estar da civilização”. Endosso todas essas críticas. Pode-se inclusive alargá-las na abordagem que ele fez

Read more…

Tenho que escrever algumas palavras sobre a passagem do natalício de Fernando Henrique Cardoso, data que até rachou o elo entre Lula e seu poste, Dilma. Esta ousou homenagear o aniversariante. Mas Lula tem o motivo mais pragmático para espinafrar seu antecessor: continua sendo FHC a única personalidade capaz de enfrentá-lo nas urnas e vencê-lo.

Read more…

Um certo Sr. Garçon, residente em Minas Gerais, fez algumas observações equivocadas sobre os meus escritos dos últimos dias, enfocando a temática do Oriente Médio, tendo-as recebido através de um amigo mineiro. Tomo as observações como mote porque elas espelham a ignorância que grassa em meio à intelectuária ocidental, mormente aqui na terra de Santa Cruz. E a palavra intelectuária aqui

Read more…

Um dos comentários mais brilhantes e corretos que li sobre a guerra em curso no Afeganistão foi publicado pelo professor Mendo Castro Enriques no jornalEuronotícias e que também está disponível no site do professor Ricardo Bergamini (www.rberga.hpg.ig.com.br). É uma aguda percepção psicológica das contradições que residem na alma do Ocidente diante do Outro e diante da guerra. Dois pontos ele

Read more…

Um balanço dos atentados de 11 de setembro e da retaliação da aliança ocidental contra os terroristas mostra que Bin Laden e seu grupo perderam feio. A destruição da estrutura de poder do Taleban e da sua rede terrorista já está praticamente consumada. E, para piorar as coisas, os demais países que apoiavam o terrorismo islâmico não mais deverão se

Read more…

“Pensem nas crianças, mudas, telepáticas…” (Vinícius de Moraes).   Tive a oportunidade de rever a trilogia do filme The Godfather, de Coppola, que acabou de sair em DVD, aproveitando o último feriado do Dia de Finados. É sempre um prazer renovado e uma redescoberta ver essa fita, uma obra-prima. Quero aqui sublinhar uma cena das mais emocionantes, quando

Read more…

Para quem gosta de escrever artigos definir o título é um momento importante do processo. Eu às vezes faço-o e depois deixo fluir o texto. Quase nunca tenho que mudá-lo. Às vezes, faço o texto e depois defino o título. E, mais raro, faço o texto, defino um título provisório e fico me roendo, insatisfeito,

Read more…

Um dos comentários mais mendazes que li sobre Osama Bin Ladem está na Folha de São Paulo de hoje (11/10), escrito por Márcio Aith (“Cabul e Canudos evocam luta do bem contra o mal”). Esse autor tenta traçar um paralelo entreBin Ladem e o nosso Antônio Conselheiro, personagem central do nosso infausto Canudos.   E por que não procede o paralelo? Por que em Canudos

Read more…

O megaburocrata James D. Wolfensohn, presidente do Banco Mundial, publicou na Folha de São Paulo de hoje (09/10) artigo intitulado “Pobreza merece coalizão mundial”. Sempre que burocratas, grandes e pequenos, falam em pobreza, é preciso ter cuidado com a carteira. Quase sempre eles estão mesmo é preocupados com o seu poder e a sua influência. Pobreza é um mero instrumento

Read more…